Pub

“É necessário apostar num turismo de qualidade e responsável, quanto maior é a necessidade de aposta num município com habitação a custo justo. É neste ponto que a Câmara Municipal precisa de adquirir políticas de gestão para a habitação dedicada ao incentivo de jovens e famílias”, afirmou.

O candidato falava hoje na sede do PAN/Açores, em Ponta Delgada, na apresentação da candidatura que não teve direito a perguntas dos jornalistas.

Dinarte Pimentel disse que Ponta Delgada precisa “urgentemente de solucionar problemas relacionados com as mais elementares regras de habitação”.

O candidato considerou que o “turismo é necessário” para a economia do concelho, mas disse ser necessário “evitar a todo o custo a turistificação” da cidade.

Pub

“O turismo é necessário, por ser uma atividade transversal, mas a pandemia veio demonstrar que pode não ser sempre sustentável se não for gerido conscientemente”, apontou.

O candidato do PAN defendeu ainda a criação de uma “incubadora de empresas e de empreendedorismo jovem” para “dinamizar economicamente” a cidade.

Dinarte Pimentel propôs ainda um “incremento do apoio aos bombeiros” e a promoção de uma “literacia para a proteção civil”.

“Desejámos uma Câmara Municipal que prime por uma cultura de identidade e profundo diálogo intergeracional e estreita ligação entre os seus elementos agregadores de memória para que o seu património cultural, quer seja material quer seja intangível, funcione como meio de revitalização económica e educacional”, concluiu.

Dinarte Pimentel, professor de profissão, foi o primeiro porta-voz do PAN/Açores, tendo sido candidato às eleições para a Assembleia dos Açores em 2012 e 2015.

Ana Teixeira, assistente veterinária, vai ser a candidata do PAN à Assembleia Municipal de Ponta Delgada.

Nas eleições autárquicas de 2017, o PSD venceu a Câmara de Ponta Delgada com 51,28%, alcançando cinco mandatos, sendo que os outros quatro mandatos foram conquistados pelo PS (39,11%).

Em eleições autárquicas livres, o PSD presidiu quase sempre à câmara de Ponta Delgada, com exceção do mandato 1989-1993, em que socialistas em coligação com o CDS-PP ‘tiraram’ a autarquia aos social-democratas.

Até ao momento foram anunciadas as candidaturas à Câmara de Ponta Delgada de Pedro Nascimento Cabral (PSD), André Viveiros (PS), Vera Pires (BE), Luís Miguel Quental (IL), Luís Franco (Chega) e Rui Teixeira (CDU) e Dinarte Pimentel (PAN).

As eleições autárquicas estão marcadas para 26 de setembro.

Pub