PUB

Decorreu, ontem, dia 17 de outubro, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, a Apresentação de Números e Impacto Económico do European Championships Artistic Roller Skating 2018, da autoria do economista Óscar Rocha, a pedido da Associação de Patinagem de S. Miguel, que organizou o evento de 31 de agosto a 8 de setembro.

Este estudo evidenciou o retorno financeiro que foi, efetivamente, injetado na economia açoriana, de um valor total de 1.350.760€, obtidos através de diversos fatores, nomeadamente das passagens aéreas, transportes terrestres, alimentação, alojamento e outros. No que diz respeito ao investimento público, a Direção Regional do Turismo, a Câmara Municipal de Lagoa e a Câmara Municipal de Ponta Delgada, orçaram um total de 54 000€.

Para Cristina Calisto, Presidente da Câmara Municipal de Lagoa, este evento teve um impacto importante no concelho de Lagoa, nomeadamente na restauração, turismo e alojamento. Mais acrescentou que “ainda que não exista nenhum estudo económico de referência que demonstre o retorno efetivo para a Lagoa, acredito que esta análise também evidencia aquilo foi deixado no concelho, tanto a nível económico, como financeiro, principalmente no impacto que teve na restauração e alojamento lagoense”. Assim sendo, a autarquia lagoense confirmou, com estes valores elevados, que a sua aposta inicial de trazer o Campeonato Europeu de Patinagem Artística para a Lagoa, foi um bom investimento por parte do município.

PUB

Igualmente, refira-se que o Campeonato Europeu de Patinagem Artística, para além do retorno financeiro, também permitiu a divulgação da ilha de São Miguel e da Lagoa, sendo que, através do canal de televisão online deste campeonato, CERS TV, assistiram em direto ao evento 187.539 pessoas e visitaram o site oficial 169. 806. Já na rede social Facebook, de 27 de agosto a 13 de setembro, 252.996 seguidores tiveram acesso e o Instagram alcançou 26.240 visitantes, dando um total de 636. 581 visualizações para esta competição.

Este evento contou com a envolvência de mais de 1065 pessoas, dos quais 465 participantes e mais de 600 acompanhantes, permitindo a promoção dos Açores, da ilha de São Miguel e do concelho de Lagoa, conquistando, desse modo, para além do fluxo financeiro, uma excelente divulgação do destino turístico.

Pub