Câmara encerra com chave de ouro ciclo de exposições “Sobre Papel”

Nuno Miranda, Maria José Lemos Duarte e Luís Brilhante

“Metamorfoses de Um Vazio” é o nome da exposição de Luís Brilhante, que mereceu, esta quinta-feira, largos elogios por parte da vereadora que tutela a área da cultura, Maria José Lemos Duarte.

Na inauguração desta exposição, que contou com a presença do assessor Nuno Miranda, em representação do Presidente do Governo Regional, a vereadora Maria José Lemos Duarte, em representação do Presidente do Município, não só agradeceu a Luís Brilhante por ter aceite o convite em expor neste espaço municipal, como salientou que  “é uma enorme honra para a Câmara de Ponta Delgada acolher esta exposição”.

A responsável autárquica, na ocasião, também adiantou que esta foi “a primeira exposição individual deste artista, nos Açores” e “enche-nos a alma, encerrar, assim, com a chave de ouro, o ciclo de exposições sobre papel, na Sala do Forno do Centro Municipal de Cultura”.

Quanto à mostra patente, o artista Luís Brilhante trabalha entre Ponta Delgada e Lisboa e apresenta-nos metamorfoses que propõem tanto o confronto com o estranho como um momento de estabilidade entre a banalidade do provável e a inquietação do incompleto.

A exposição “Metamorfoses de Um Vazio” pode ser visitada até 31 de dezembro, de segunda a sexta feira, entre as 09h00 e as 17h00 (exceto no dia de natal) e aos sábados das 14h00 às 17h00, no Centro Municipal de Cultura de Ponta Delgada.