Câmara de Lagoa assinala “Dia Mundial da Água”

A Câmara Municipal de Lagoa, através do CEFAL (Centro de Educação e Formação Ambiental de Lagoa), comemorou, no dia 22, o Dia Mundial da Água através de uma visita interpretativa às estruturas de captação, armazenamento, tratamento e distribuição de água, entre os quais nascentes, furos, reservatório e estação de tratamento de água do concelho.

Sob o tema «Da Nascente à Torneira», esta atividade foi destinada aos alunos do 3º ciclo, terminando a visita na Casa da Água, nos Remédios.

O Dia Mundial da Água tem como propósito alertar as populações e os governos para a urgente necessidade de preservação e poupança deste recurso natural tão valioso. A gestão dos recursos de água tem impacto em vários setores, nomeadamente na saúde, produção de alimentos, energia, abastecimento doméstico e sanitário, indústria e sustentabilidade ambiental.

Assim, o CEFAL promoveu uma palestra de sensibilização aos alunos do 4º e 6º anos da Escola Básica Integrada de Água de Pau, no sentido de alertar para o uso consciente da água, informar sobre como funciona o processo de captação, armazenamento, tratamento e distribuição da água no concelho da Lagoa, bem como foi explicado a gestão dos resíduos, na freguesia de Água de Pau.

Ainda no âmbito da comemoração deste dia, a Câmara Municipal de Lagoa, através da Casa da Água – Trail Point, organizou um evento formativo, que visou dar a conhecer os trilhos da Rota da Água, dirigido a profissionais do setor turístico, numa parceria entre o Município de Lagoa, Direção Regional do Turismo e Parque Natural de Ilha de São Miguel. A rede de trilhos homologados, desde o início do mês de março, com o nome Rota da Água engloba o trilho Janela do Inferno, o trilho das Pedras Brancas e o trilho Entre Túneis e Condutas, distribuídos pelo concelho de Lagoa.

 

Esta iniciativa contou com 30 participantes, na qual o representante do Parque Natural de Ilha S. Miguel apresentou o tema «Património Natural e Histórico-Cultural da Serra de Água de Pau». Em seguida, a representante da Direção Regional de Turismo deu a conhecer os trilhos Janela do Inferno, Pedras Brancas e Entre Túneis e Condutas, bem como o projeto de segurança em trilhos pedestres, com a apresentação do seu plano de rápida intervenção e socorro na Rota da Água.

 

De referir que, a Casa da Água – Trail Point é um projeto que decorreu do orçamento participativo jovem 2017. Trata-se da recuperação de um posto de leite devoluto, que foi transformado na porta de entrada a todas as atividades de exploração da natureza na Lagoa, bem como dá a conhecer atividades pedestres, escalada/rappel, btt, geocaching, passeios equestres, entre outros, entre outras informações turísticas de especial relevo. O espaço possui uma zona de descanso numa varanda exterior para contemplação, um espaço de informação ambiental, estacionamento de bicicletas, disponibilidade de água para enchimento público de garrafas e internet.