Bolieiro destaca importância dos bombeiros e anuncia novo apoio à AHBVPD

O Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada destacou, ontem, o importante papel dos corpos de  bombeiros no socorro e ajuda às pessoas, às famílias e a comunidades inteiras.

José Manuel Bolieiro, que falava na Sessão Comemorativa do 140.º Aniversário da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada (AHBVPD), expressou, em nome pessoal e institucional, a sua gratidão e reconhecimento à associação que serve mais de 85 mil pessoas nos concelhos de Ponta Delgada e de  Lagoa e conta com apenas 3 mil associados.

“Muito foi feito, mas ainda há muito a fazer em matéria de associativismo”, apontou, defendendo, por isso, um “compromisso de cidadania mais abrangente” com o intuito de “dar à causa consequência”.

O edil, “vigilante e atento”, lembrou que o Município de Ponta Delgada, para além do apoio anual a esta associação, financiou em 2019 a aquisição de uma ambulância essencial para a prossecução da missão da AHBVPD e vai, ainda este ano ou no início do próximo, apoiar a aquisição de capacetes. “É dando que recebemos”, arguiu, parabenizando a associação pela sua história e expressando confiança no seu futuro.

Recorde-se que a Câmara Municipal de Ponta Delgada instituiu, em 2016, o Dia Municipal do Bombeiro, que se assinala a 5 de agosto, dia do aniversário da AHBVPD.

Ontem, teve lugar o lançamento do livro “Bombeiros de Ponta Delgada – Roteiro de 140 anos” da autoria de José Andrade e chancela da Letras Lavas Edições, de Ernesto Resendes.

O autor, José Andrade, considerou que a AHBVPD é, porventura, “a instituição social que melhor conjuga antiguidade com utilidade e que, ainda assim, mais carece e merece apoio público e envolvimento cívico, na exata medida da sua multiplicidade de benefícios e, sobretudo, da sua universalidade de beneficiários”.

A produção deste livro é uma oferta da sociedade civil – através do seu organizador e  do seu editor – que reverte integralmente a favor dos Bombeiros de Ponta Delgada.

O Presidente da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada, Alberto Leça, distinguido ontem pelos serviços prestados com a Medalha de Prata, congratulou-se com a iniciativa que irá perpetuar a história da associação.

A anteceder a Sessão Comemorativa do 140.º Aniversário da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada teve lugar o lançamento do livro infantil Cúpulas, com coordenação de Maria do Carmo Costa e ilustração dos alunos da Escola de Cadetes e Infantes dos Bombeiros de Ponta Delgada, e que resulta do projeto Sensibilizar.

Seguiu-se o descerramento da placa alusiva aos 140 anos da associação e a cerimónia de condecorações.