As mulheres açorianas emigrantes serão protagonistas de um evento online, organizado pela AEAzores – Associação dos Emigrantes Açorianos, para celebrar o Dia de Mulher (8 de março) e que contará com a participação de emigrantes e estudiosos de várias comunidades, do presidente da CM Ribeira Grande, Alexandre Gaudêncio, do diretor regional das Comunidades, José Andrade, e do presidente da AEAzores, Rui Faria.

A homenagem à professora doutora Rosa Simas será momento alto da sessão, acessível a todos através da página no Facebook da AEAzores, entre as 13 horas e as 16h30 (horas dos Açores) de segunda-feira. Rosa Neves Simas nasceu no Pico, cresceu na Califórnia, notabilizou-se como professora e investigadora na Universidade dos Açores e foi mentora do Encontro “A Mulher nos Açores e nas Comunidades”, há 20 anos.

Para a celebração do Dia da Mulher – virtual, devido às limitações impostas pela pandemia –, a AEAzores preparou vários painéis. No primeiro, às 13h30, a homenageada evocará o Encontro de julho de 2001, em conjunto com Alzira Silva e Manuela Aguiar, sob moderação de Tânia Fonseca. Às 14h20, Deolinda Adão falará sobre “A Mulher emigrante em terras da Califórnia”, numa conversa com Roberto Medeiros. Às 14h45, Romina Cardoso intermediará os depoimentos de João Luís Pacheco e Glória de Sá sobre “A Mulher açoriana na Nova Inglaterra”, antes de Humberta Araújo e Manuela Marujo falarem sobre “A Mulher açoriana no Canadá, dos anos 50 às novas gerações”, pelas 15H20, com moderação de Mónica Medeiros. Nísia Remígio é a convidada do último painel, “Verde Esperança”, às 16 horas.

Vinte anos depois, a “reedição” de “A Mulher nos Açores e nas Comunidades” conta com a organização da AEAzores e a colaboração do Governo dos Açores e da Câmara Municipal da Ribeira Grande.