Administração da SAD do Sporting reduz salários para metade

O Conselho de Administração da Sporting SAD, presidido por Frederico Varandas, aprovou uma redução salarial de 50% de todos os membros, revelou hoje à Lusa fonte oficial do clube da I Liga portuguesa de futebol.

A redução para metade do vencimento dos administradores da SAD do clube lisboeta vai aplicar-se nos meses de abril, maio e junho e é motivada pela suspensão da atividade nas competições profissionais, devido à pandemia de covid-19.

Também hoje, o Sporting chegou a acordo com os jogadores da equipa profissional de futebol para uma redução salarial de 40% durante os meses de abril, maio e junho, disse à Lusa fonte ligada ao processo.