Açores isentam de pagamento empresas instaladas nos parques tecnológicos

O Governo dos Açores determinou hoje a isenção do pagamento às empresas e associações pela utilização dos espaços localizados nos parques de ciência e tecnologia em São Miguel e Terceira, nos meses de abril, maio e junho.

“Esta isenção de pagamento tem como objetivo reforçar o apoio às empresas das áreas tecnológicas, reduzindo os seus custos e encargos”, no âmbito dos efeitos da pandemia da covid-19, justifica o executivo açoriano, frisando que este apoio visa “valorizar e proteger o ecossistema empreendedor de base tecnológica, essencialmente composto por projetos e ‘startups’ em estádios iniciais do seu desenvolvimento, altamente expostos à atual volatilidade e instabilidade do mercado global”.

A nota enviada às redações destaca “as competências técnicas, recursos tecnológicos e capital humano altamente qualificado” das empresas instaladas nos parques tecnológicos NONAGON e TERINOV, e que “constituem uma mais valia com elevado potencial de crescimento”.

“Com mais esta medida de apoio às empresas e à manutenção do emprego pretende-se consolidar e reforçar os apoios também aos setores mais emergentes e inovadores da economia”, lê-se na nota.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 1,3 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 75 mil.

Até ao momento, já foram detetados nos Açores um total de 70 casos, constatando-se um recuperado e 69 casos positivos ativos para infeção pelo novo coronavírus, sendo 34 em São Miguel, 10 na ilha Terceira, três na Graciosa, sete em São Jorge, 10 no Pico e cinco no Faial.

Em Portugal, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se 345 mortes, mais 34 do que na véspera (+10,9%), e 12.442 casos de infeções confirmadas, o que representa um aumento de 712 em relação a segunda-feira (+6%).