Pub

Os Açores possuem a partir de hoje uma Rede Integrada de Apoio ao Empresário (RIAE), com balcões em todas as ilhas, visando estimular os empresários a investirem na região, segundo o secretário regional das Finanças, Duarte Freitas.

O secretário Regional das Finanças, Planeamento e Administração Pública explicou em São Roque do Pico que esta rede ficará agregada à Rede Integrada de Apoio ao Cidadão (RIAC).

O governante referiu que a RIAE constitui uma medida do executivo açoriano (PSD/CDS-PP/PPM) “desenhada com intuito de mitigar as dificuldades ao acesso à informação”, promovendo “a desburocratização do sistema e a proximidade”.

Duarte Freitas, citado em nota de imprensa, refere que esta rede tem o “objetivo de estimular os empresários da região e todos os que, do exterior, queiram investir nos Açores”.

Os postos RIAC – RIAE estarão presentes em todas as nove ilhas, sendo que a rede pretende apoiar os empresários em matérias relacionadas com o próximo sistema de incentivo Construir 2030, no apoio à exportação, aos programas de emprego e às candidaturas à Marca Açores.

Na apresentação da iniciativa, em julho de 2022, Duarte Freitas referiu que a rede terá presença nas nove ilhas, “na linha da RIAC”, e apoiará os interessados em investir na região.

É importante “aligeirar e desburocratizar o sistema”, com base num novo paradigma, que seja mais próximo dos empresários, sublinhou Duarte Freitas, falando no auditório da Madalena, no Pico, durante a apresentação da iniciativa Construir 2030.

O titular da pasta das Finanças referiu que “cada ilha terá um espaço de apoio ao empresário”, com o objetivo de facilitar os empresários da região e todos os que, do exterior, queiram investir nos Açores”.

Pub