13º. Festival de Cantorias ao Desafio na Lagoa de 16 a 18 de Fevereiro

Nos próximos dias 16, 17 e 18 de fevereiro, o polidesportivo dos Remédios será palco de mais uma edição do Festival de Cantorias ao Desafio, que se realiza pela 13 vez. Esta iniciativa cultural, que já é uma referência no concelho de Lagoa, é organizada pela Associação Cultural e Recreativa dos Remédios, tendo à semelhança das edições anteriores, o apoio da Câmara Municipal de Lagoa e da Junta de Freguesia de Santa Cruz.

Este ano, o Festival de Cantorias ao Desafio vai aparecer com uma nova imagem que, segundo a vereadora Albertina Oliveira “o propósito assenta, essencialmente, em valorizar aquele festival como sendo uma referência concelhia a nível regional e, desta forma, dignificar também o trabalho da Associação Cultural e Recreativa dos Remédios, presidida por Raúl Medeiros, e das dezenas de voluntários daquela comunidade que se juntam para dar o seu melhor em prol do lugar onde vivem, projetando os Remédios como ponto de interesse cultural.”

Assim sendo, para além da nova imagem em termos do espaço do festival, haverá também algumas inovações no cartaz oferecido. No dia 16 de fevereiro, pelas 19h30, proceder-se-á à abertura deste festival, prevendo-se a primeira atuação para as 20h00, com os “Stand Up Comedy” – Helfimed (Hélder Medeiros). Já no sábado, o festival abrirá com a atuação do fadista Fábio Eurico. Nos três dias, haverá cantorias ao desafio, a partir das 21h00, contando, a edição deste ano, com a presença de vários cantadores, não só da Ilha de S. Miguel, mas também de outras ilhas dos Açores e dos Estados Unidos da América (EUA). Vindo dos EUA teremos Eduardo Papoila, da Ilha de São Miguel João Luís Mariano, da Ilha Terceira José Eliseu, Maria Clara e Fábio Ourique e da Ilha de São Jorge Bruno Oliveira. Os tocadores que marcarão presença no festival são Fernando Silva, Marco Silva, Renato Cordeiro e Toni Silva.

Neste festival, não faltará a gastronomia tradicional composta habitualmente por sopas variadas, torresmos, inhames, morcela, chouriço, pão de milho, feijoada, fava guisada, fava-rica e na doçaria as tradicionais malassadas, arroz doce e bolos caseiros variados confecionados por várias senhoras daquela comunidade que se dedicam voluntariamente a trabalhar para esta festividade do lugar dos Remédios.